Quarta, 19 de Junho de 2024
(61) 99300-9675
Esportes BRASILEIRO

Botafogo vence clássico com o Fluminense e mantém liderança isolada do Brasileiro

O resultado coloca o time do técnico Luís Castro na liderança isolada com 18 pontos. Já o time das Laranjeiras se mantém com 13 na tabela.

21/05/2023 08h20 Atualizada há 1 ano
Por: Redação Fonte: N.M.
Foto:Getty Images
Foto:Getty Images

O Botafogo é mais líder do que nunca. Após a derrota na última rodada para o Goiás, que tirou o aproveitamento de 100% da equipe no Campeonato Brasileiro, os botafoguenses voltaram a mostrar do que são capazes no clássico deste sábado, no Engenhão, ao derrotar o Fluminense por 1 a 0. São seis vitórias e uma derrota em sete rodadas. O resultado coloca o time do técnico Luís Castro na liderança isolada com 18 pontos. Já o time das Laranjeiras se mantém com 13 na tabela.

O gol da vitória foi anotado no segundo tempo pelo zagueiro Victor Cuesta após uma cobrança de escanteio. O lance gerou muita discussão pois os jogadores do Fluminense pediram falta em Nino no lance. O juiz, porém, confirmou a marcação.

O Botafogo vai a campo no meio de semana e volta suas atenções para a Copa Sul-Americana. A equipe carioca enfrenta o Deportivo Universidad César Vallejo nesta quinta, em Trujillo, no Peru. O Fluminense também tem um torneio internacional pela frente. Líder do Grupo D da Libertadores com 100% de aproveitamento, o time comandado pelo técnico Fernando Diniz desafia o boliviano The Strongest na altitude de La Paz.

Já pelo Campeonato Brasileiro, o próximo encontro é no final de semana. O Botafogo recebe o América-MG no domingo, em seu estádio, no Rio. No mesmo dia, o Fluminense encara o Corinthians na Neo Química Arena.

Em um jogo bastante disputado no meio-campo, os primeiros 45 minutos foram de poucas oportunidades. Na melhor chance do Botafogo, Tiquinho chutou para a defesa parcial de Fábio. Pelo lado do Fluminense, uma assistência de Ganso deixou Cano livre para bater cruzado e Luca Perri defender.

Para o segundo tempo, cada time voltou com uma alteração, e foi o Botafogo quem acabou tendo um melhor rendimento. Di Placido entrou na vaga do lateral Rafael e, pelo seu setor, o time alvinegro começou a incomodar a defesa rival.

Sentindo as ausências de Marcelo e Alexsander, machucados, Fernando Diniz colocou Lelê na vaga de Gabriel Pirani. Ao invés de ganhar mais força no ataque, a equipe das Laranjeiras perdeu o meio-campo e passou a ser pressionada já na saída de bola.

No início da etapa final, o Botafogo chegou a ter nove finalizações contra apenas duas do rival. Com Tchê Tchê ditando o ritmo, e as triangulações acontecendo com mais frequência, o volume ofensivo aumentou.

Aos 28 minutos, um chute de meia distância de Júnior Santos obrigou Fábio a fazer linda defesa e mandar a bola para a linha de fundo. O resultado da pressão foi convertido em gol na cobrança do escanteio. No tiro de canto, Fábio saiu mal do gol e a bola ficou pingando na área. Victor Cuesta, caído no chão, aproveitou a sobra e estufou a rede para fazer 1 a 0.

O Fluminense foi para o tudo ou nada e quase empatou no final com Lelê. Ele aproveitou um passe de cabeça de Guga, invadiu a área, passou pelo goleiro Lucas Perri mas, desequilibrado, acabou saindo com bola e tudo pela linha de fundo, aos 42 minutos.

O Botafogo recuou, garantiu a posse de bola para evitar a pressão do Fluminense e administrou a vantagem até o final para assegurar mais uma vitória e três pontos na classificação do Nacional.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 1 x 0 FLUMINENSE

BOTAFOGO - Lucas Perri; Rafael (Di Placido), Adryelson, Victor Cuesta e Marçal; Tchê Tchê, Gabriel Pires (Marlon Freitas) e Eduardo; Júnior Santos, Tiquinho Soares e Luis Henrique (Victor Sá). Técnico: Luís Castro.

FLUMINENSE - Fábio; Samuel Xavier (John Kennedy), Nino, Felipe Melo (Manoel) e Guga; André, Lima (Martinelli), Gabriel Pirani, (Lelê) e Ganso; Arias e Cano. Técnico: Fernando Diniz.

GOL - Victor Cuesta, aos 29 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Tiquinho Soares, Marçal, Victor Cuesta e Eduardo (Botafogo); Lelê e Nino (Fluminense).

ÁRBITRO - Bráulio da Silva Machado (SC).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis

LOCAL - Estádio Engenhão, no Rio (RJ).

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Brasília, DF
Atualizado às 14h01
25°
Parcialmente nublado

Mín. 13° Máx. 25°

25° Sensação
3.6 km/h Vento
44% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (20/06)

Mín. 14° Máx. 26°

Tempo limpo
Amanhã (21/06)

Mín. 15° Máx. 26°

Tempo limpo