Quarta, 25 de Maio de 2022
(61) 99300-9675
Esportes COPA LIBERTADORES

Flamengo vive altos e baixos e busca identidade entre falhas e lampejos

Característica que marca a temporada de um time que ainda busca estabilidade.

08/05/2022 03h09
39
Por: Redação Fonte: Folhapress
Foto: Getty
Foto: Getty

POR LEO BURLÁ - RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - O Flamengo ensaiou uma reação com Paulo Sousa, mas voltou a fazer um jogo de altos e baixos no empate contra Talleres (ARG), pela Copa Libertadores, na quarta-feira (4). Característica que marca a temporada de um time que ainda busca estabilidade.

Agora, o time precisa voltar suas atenção para o Campeonato Brasileiro, e se prepara para o clássico contra o Botafogo neste domingo (8), a partir das 11h, pela quinta rodada do campeonato. Como o Maracanã passa por reformas em seu gramado, a partida será disputada no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Na partida de quarta-feira, após um início bem organizado e com uma equipe com ares de titular, o clube rubro-negro se desmontou completamente com a saída Pablo, que sentiu dores na coxa, e passou a ser presa fácil de um rival que é o lanterna de seu grupo no Campeonato Argentino. A queda foi admitida pelo treinador português, que ressaltou a perda de controle a partir da troca. Pablo deve estar entre os desfalques do time carioca no domingo.

A baixa de mais um defensor expôs os problemas que o clube tem para recuperar alguns jogadores, especialmente para o setor defensivo. Para o duelo em Córdoba (ARG), Sousa não relacionou Rodrigo Caio, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Gustavo Henrique. Com exceção do primeiro, que segue um cronograma especial de retorno, os outros três estão lesionados. Os quatro devem desfalcar o time rubro-negro novamente neste domingo.

Os problemas na linha de defesa não ficaram restritos apenas aos zagueiros, visto que Isla voltou a mostrar dificuldades quando atuou como lateral. Sem suporte dos homens mais avançados, Filipe Luís ficou exposto. Recuado novamente para quebrar um galho, Arão fez um gol contra e se virou como pode no meio de uma chuva de bolas levantadas pelo adversário.

Diante da desorganização generalizada, o Flamengo viveu de lampejos para arrancar um empate que já parecia pouco provável. Sem aproximação entre os setores, o elenco rubro-negro apostou em bolas mais longas para Bruno Henrique e rezou para que Arrascaeta descobrisse um passe salvador.

Mais uma vez, o uruguaio foi o mais lúcido da equipe e achou um chute de rara felicidade para empatar. O camisa 14 tentou acelerar um pouco o jogo, porém faltou companhia. Lutador como sempre, Gabigol recebeu pouquíssimas bolas e brilhou quando saiu da área para servir Pedro no 2 a 2.

O técnico Paulo Sousa mexeu no time, o Flamengo subiu, conseguiu ficar um pouco mais com a bola, mas faltou uma atuação mais sólida para os rubro-negros, que passaram os primeiros 45 minutos sem dar um arremate em gol sequer. A oscilação na Argentina se agrava à medida que o time ficou devendo na derrota para o Athletico (pelo Campeonato Brasileiro) e na vitória atribulada contra o Altos-PI (Copa do Brasil), embora tenha havido muitas mudanças nestes dois jogos que antecederam a Libertadores.

"No segundo tempo, optamos por mais jogadores na frente. Sabíamos que nas entrelinhas nós íamos criar espaços. Dentro do que foi o jogo, acho que estamos todos de parabéns", disse Paulo Sousa, que destacou a capacidade de reação do time:

"Nossa equipe tem um caráter extraordinário. Em situações adversas eles mostram caráter e buscam o resultado. Para termos consistência individual todos têm de ter continuidade nos processos competitivos para que possamos atingir o máximo."

Entre bons momentos e apagões, o Flamengo arrancou um ponto importante em uma noite ruim e caminha a passos largos para ir às oitavas de final da Libertadores. Agora, o time precisa busca repetir o sucesso contra o Botafogo.

O clube rubro-negro é o 12º colocado da Série A, com cinco pontos em quatro jogos. O time tem somente uma vitória, e soma dois empates e uma derrota -esta contra o Ahtletico-PR, na última rodada do Brasileiro.

O time busca uma atuação mais estável e certeira para garantir um bom posicionamento na tabela do campeonato nacional.

Apesar da participação positiva, Pedro e Filipe Luís sentiram dores musculares na partida contra o Talleres, e são dúvidas para jogo contra o Botafogo. Em compensação, o atacante Matheuzinho tem participado dos treinos com o grupo principal, e pode estar entre os relacionados. Uma provável escalação inicial do Flamengo tem: Hugo Souza; Willian Arão, David Luiz e Rodinei; Isla, João Gomes (Pedro), Thiago Maia, Everton Ribeiro (Lázaro) e Arrascaeta; Bruno Henrique (Victor Hugo) e Gabigol.

O Botafogo, por sua vez, chega à partida buscando a sua segunda vitória no Campeonato Brasileiro -a última foi contra o Ceará, ainda na segunda rodada. Com cinco pontos, o clube está em 13º na tabela, com uma vitória, uma derrota e dois empates, assim como o Flamengo, de quem perde pelo saldo de gols.

Para a disputa deste domingo, o técnico Luís Castro não poderá contar com o zagueiro Philipe Sampaio, lesionado na partida contra o Juventude, na quarta rodada do Brasileiro. Os laterais Carlinhos e Rafael e o meia Barreto também continuam no departamento médico. Em compensação, o zagueiro Kanu, que estava em transição física após lesão muscular, pode fazer seu retorno. Uma provável escalação do Botafogo tem: Gatito Fernández; Saravia, Victor Cuesta, Kanu e Daniel Borges; Patrick de Paula (Tchê Tchê), Chay e Luis Oyama; Gustavo Sauer, Erison (Matheus Nascimento) e Victor Sá.Estádio: Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Horário: Às 11h (de Brasília) deste domingo (8)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Transmissão: Premiere

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Brasília - DF
Atualizado às 19h23 - Fonte: Climatempo
20°
Alguma nebulosidade

Mín. 13° Máx. 27°

20° Sensação
19 km/h Vento
53% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (26/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 27°

Sol
Sexta (27/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 28°

Sol
Ele1 - Criar site de notícias